/ dúvida

22out 2013

Por que ainda usamos animais na ciência?

Postado por às em Youtube

Bom gente, o assunto mais debatido no momento, tanto na TV como nas redes sociais, é o caso da invasão de um laboratório por ativistas que alegavam maus tratos a animais, e que culminou com o resgate de vários cães utilizados em experiências científicas. Sei que este é um canal de beleza, maquiagem, “mulherzices” em geral, mas como cientista não poderia deixar de prestar meu papel de informar as pessoas. As informações divulgadas muitas vezes não correspondem à realidade ou são contraditórias, e me senti na obrigação de explicar algumas coisas para as pessoas que desconhecem a rotina de um laboratório de pesquisa. Quantos cientistas vocês conhecem pessoalmente? Não existem muitos por aí para dar explicações, infelizmente esta ainda é uma profissão que não é muito difundida. Aliás, nem reconhecida como profissão é, mas isso pode ficar para outro post.

cura

Para quem não sabe, trabalho como cientista há quase 14 anos, e por isso já vivenciei muita coisa nesta área. E posso dizer que todo esse tempo não é nada se comparado a pesquisadores mais experientes. Cientistas são curiosos e idealistas por natureza, e geralmente dedicam toda uma vida para responder uma pergunta que pode salvar vidas.

Neste vídeo falei dos prós e contras de se utilizar animais em experiências. Nem tudo são mil maravilhas, mas utilizar animais tem sido encarado até hoje como um “mal inevitável”. O que todo cientista da área biológica sonha é poder encontrar outras formas de estudo sem utilizar cobaias; e, acreditem, tem muita gente trabalhando nisso!

Peço que você assista este vídeo até o final e ajude na divulgação de informações, compartilhando-o. Isso pode esclarecer dúvidas de muita gente.

Respeito a opinião de todos, e sei inclusive que muitas pessoas, por mais que entendam a necessidade, ainda se mostrarão contra a utilização de animais. E você tem esse direito, é claro! E acrescento ainda que as pessoas devem sim lutar por seus ideais, além de se embasar e propor discussões. Se você não concorda com alguma coisa, manifeste-se! Mas mesmo não concordando, só peço duas coisas a você:

Primeiro: não demonize o cientista! Cientista não é torturador, nem carniceiro, muito menos uma pessoa hedionda e cruel! A imagem estereotipada do “cientista louco” não existe! Loucos não podem fazer ciência, assim como não podem dirigir, serem médicos, professores, advogados, etc. Que momento infeliz quando Einstein foi fotografado com a língua para fora e descabelado, um gênio que de maluco não tinha nada. Por mais que você não concorde com o método utilizado por nós, acredite: estamos trabalhando por você, por seu filho, pela sua família, por aquela pessoa querida que precisou de cuidados médicos e ficou entre a vida e a morte (e foi salva!).

Segundo (e principal): Por favor, abandonem a ideia de invadir laboratórios, quebrar tudo e retirar animais! Esses animais podem estar sendo usados em pesquisas de doenças contagiosas e sem cura! E podem estar infectados! Não corra esse risco, nem leve risco para seus familiares e amigos. Ao sair do laboratório ninguém mais terá controle do que pode acontecer, nem mesmo os cientistas envolvidos. Outra coisa: é muito comum nos laboratórios se trabalhar com reagentes químicos altamente tóxicos, radioativos, inflamáveis, explosivos e cancerígenos. Provavelmente as pessoas que invadiram o laboratório não estavam cientes disso, senão não teriam quebrado nem mexido em nada. Por favor, não faça isso, é insanidade!

Enfim, eu não tenho motivo algum para mentir para vocês, apenas estou expondo a nossa realidade e como as coisas funcionam. Coloco-me à disposição para tirar dúvidas e discutir. E se eu não souber a resposta, vou me informar com quem sabe. Sintam-se à vontade!

Assista o vídeo:

Leia e informe-se mais:

– Jornal da Ciência: http://www.jornaldaciencia.org.br/Detalhe.php?id=90093

– Sobre os testes com animais na indústria cosmética: http://easttowestskincare.com/2012/01/09/esclarecimentos-sobre-os-testes-em-animais-realizados-pela-industria-cosmetica/

– Matéria escrita por um doutor em ciências: http://moglobo.globo.com/integra.asp?txtUrl=%2Fin%2F%2Fos-zooxiitas-a-polemica-do-uso-de-animais-em-experiencias-3975651

– Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA), que inclusive é composta por membros das sociedades protetoras de animais legalmente estabelecidas no país: http://www.mct.gov.br/index.php/content/view/316431/Composicao_do_CONCEA.html

– Entrevista com o Doutor e Professor da UFRJ Marcelo Morales: http://globotv.globo.com/t/programa/v/medico-explica-uso-de-animais-em-pesquisas-no-brasil/2901928/

– Uso de cães para pesquisas de remédios contra câncer: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/10/1360185-retirada-de-caes-de-instituto-afeta-teste-anticancer-diz-cientista.shtml

16jul 2013

E você, sabe usar os corretivos coloridos?

Postado por às

Olá pessoal, tudo bom?

O post de hoje é sobre um assunto que sempre me perguntam: para quê tantas cores de corretivos e qual é a forma correta de utilizá-los?

Bom, o princípio é o seguinte: os corretivos servem para camuflar as olheiras e os tons coloridos trabalham como neutralizadores de cor. E como uma cor é neutralizada? Pela sua cor complementar. Mas Claudia, continuo sem entender… Então vamos lá, é bem simples, é só colar. Isso, colar! Abaixo eu coloquei uma “Roda de cores” para facilitar o entendimento e servir de “cola”.

Fonte: Google.
Vamos supor que uma pessoa tenha olheiras amarronzadas, que na roda acima fica entre o “amarelo-alaranjado” e o “amarelo”, sendo que nesta roda tem várias subdivisões de cores e quanto mais para o centro mais escura fica a tonalidade. Traçando uma linha reta até o outro extremo da roda vemos que as cores complementares às citadas são o “violeta” e o “azul-violeta”. Portanto, caso suas olheiras sejam mais puxadas para o tom de marrom basta você usar corretivos em tons de lilás que você irá neutralizá-las e elas ficarão mais suavizadas. Esta cor também é válida para disfarçar as sardas.
Agora vamos supor que uma pessoa tenha um hematoma no rosto (cor roxa) ou que suas olheiras sejam mais arroxeadas. Agora, ao contrário, o corretivo a ser usado é o amarelo, pois é a cor complementar que irá neutralizá-la. Espinhas no rosto em tons avermelhados são neutralizadas pelo corretivo verde que, como pode ser visto na roda, é a cor complementar do vermelho. Já as espinhas com aquela pontinha amarela podem ser mais disfarçadas com o corretivo lilás somente neste ponto.
Existem ainda os corretivos em tons de salmão e mais avermelhados. Particularmente não consigo uma explicação plausível sobre a utilização destes corretivos através da roda de cores (aceito sugestões de quem souber). Mas sei que estas cores são indicadas para neutralizar regiões mais esbranquiçadas, como manchas mais claras na pele e vitiligo, por exemplo. Acredito que esta cor salmão apenas dê maior pigmentação à região esbranquiçada, criando o efeito de disfarce.
Mas e quanto à aplicação? Eu particularmente neutralizo a pele com o corretivo adequado e, em seguida, aplico a base. Acho que o acabamento fica melhor e corre-se menos risco de ficar com a “pele colorida” de verdade. E, gente, isso tudo é bem suave, ok? Sugiro aplicar o corretivo aos poucos até atingir a tonalidade suficiente para neutralizar a cor em questão e não exagerar.
Resumindo:
Corretivo amarelo: tons arroxeados (hematomas e alguns tipos de olheiras)
Corretivo lilás: olheiras amarronzadas, espinhas inflamadas com ponta amarela e sardas
Corretivo verde: Tons avermelhados (espinhas e queimaduras solares)
Corretivo salmão: pele despigmentada e vitiligo
E quais são as ofertas no mercado de corretivos coloridos? Muitas, e atualmente algumas marcas brasileiras de cosméticos oferecem algumas gamas de cores. Abaixo vou deixar algumas sugestões de produtos:
Vult
Fonte: Google

A Vult tem disponível as cores básicas de corretivos coloridos. Este tom mais claro não é branco, na verdade é um lilás bem clarinho. No caso de alguns tons mais escuros de amarelo e marrom pode ser que ele não consiga corrigir totalmente, mas eu nunca testei. O que eu tenho (cor 01) não é desta linha de coloridos, mas é em bastão e eu gosto bastante da cobertura e da consistência (em geral gosto muito dos produtos da Vult). O preço está em torno de R$13,00.

Contém 1g

A Contém 1g fornece corretivos coloridos tanto cremosos quanto líquidos. O preço é em torno de R$50,00.

Paletas de bases e corretivos

 Paleta de 15 corretivos: Esta é a minha forma favorita de trabalhar com corretivos, pois vou misturando os tons até atingir o meu ideal. Esta primeira paleta com 15 corretivos tem as 3 cores básicas (lilás, verde e amarelo), além de um iluminador prateado incrível. E, de quebra, várias tonalidades de corretivos “cor de pele” para perfeita cobertura. Eu adoro esta paleta.

Paleta de bases e corretivos: com 12 bases e 8 corretivos coloridos, esta é ainda mais completa na gama de cores, incluindo a cor salmão. Entretanto, não vem com o iluminador da paleta anterior.

Primer colorido
A Nyx é uma marca importada que oferece estes primers para o rosto que adicionam cor. Para peles acneicas avermelhadas o primer verde é indicado; para quem tem muitas manchas marrons, ou até mesmo sardas, pode fazer uso do primer lilás. A base deve ser aplicada normalmente após a utilização deste produto.
Gostaram das dicas? Espero que sim! Qualquer dúvida podem perguntar. Beijos!
01jul 2013

Guia dos cílios postiços (Parte 3): Como retirar os cílios, lavar e reaproveitar

Postado por às

Olá pessoal, tudo bom?

E mais um vídeo da série “Guia dos cílios postiços” está no ar! Desta vez mostro como eu retiro os cílios dos olhos (sem arrancar os meus de verdade…), e como eu lavo e reaproveito. Acho que este completa o guia, mas qualquer dúvida que permanecer vocês podem deixar aqui no blog ou nos comentários no Youtube que eu respondo.

Assista ao vídeo! Espero que gostem! Beijos e até a próxima!

15mar 2013

Dica de kit de pincéis profissionais

Postado por às

Olá pessoal, tudo bom?

Sempre me perguntam se eu tenho um kit de pincéis completo para indicar e que tenha um preço justo. Bom, geralmente nesses kits vêm alguns pincéis praticamente iguais, ou outros sem muita utilidade, ou ainda faltam alguns tipos e aí acabamos comprando pincéis avulsos para complementar. Pois então, esta semana foi lançado um kit que eu gostei muito, super completo e de qualidade profissional. É o kit da guru e blogueira Luciane Ferraes (veja o site dela aqui), que eu achei bem completo. É um total de 12 pincéis e todos muito úteis, foram muito bem pensados. Alguns são de cerdas naturais e outros de cerdas sintéticas, todos voltados para certo tipo de produto. O kit ainda vem com um encarte explicando o uso de cada um dos pincéis e ainda um esclarecimento de como cuidar deles e limpá-los. Pelo que vi na demonstração dela eles são de muito boa qualidade. O kit é vendido no site da LF Pro.

Para quem se interessar, fica a dica!

* Só para esclarecer, não estou ganhando nada para promover isso nem estou fazendo propaganda, ok? É apenas uma dica para uma dúvida que sempre me perguntam.

Beijos e até a próxima!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...